ANIVERSÁRIO DO COOPERATIVISMO

Muito me honra participar desta sessão solene para comemorar o 93º Dia Internacional do Cooperativismo assim como os 45 anos da Organização das Cooperativas Brasileiras. Felicito a senadora Ana Amélia e o Deputado Federal Osmar Serraglio, autores do requerimento para a realização desta sessão especial.

A importância que atribuo ao cooperativismo trouxe-me até aqui para felicitar todos os brasileiros que de uma forma ou de outra a ele estão ligados.

Parabéns, portanto, aos dirigentes da Organização das Cooperativas Brasileiras pelo quase meio século de existência e pelo trabalho que fazem para o fortalecimento do cooperativismo no Brasil.
Ao longo deste quase meio século o resultado de tanto trabalho é o fortalecimento do cooperativismo na agenda de desenvolvimento do país.
Com mais de sete mil cooperativas o Brasil hoje conta com a força do cooperativismo no campo e nas cidades, na produção, trabalho e consumo.
O cooperativismo abrange hoje diversos setores de nossa economia, entre os quais o agropecuário, financeiro, habitacional, educacional, de saúde, transportes.
Segundo o BACEN, cerca de 1.150 cooperativas de crédito administram ativos da ordem de 138 bilhões de reais.
Por sua vez, as 1.500 cooperativas agropecuárias e seus 1 milhão e cem mil cooperados, fazem o cooperativismo no Brasil uma das principais forças motrizes de nossa produção agrícola e agroindustrial e, por consequência, um dos setores que mais contribuem efetivamente com o desenvolvimento econômico e social do país.
Em Alagoas, temos o testemunho da Cooperativa Pindorama, a maior cooperativa agroindustrial do Nordeste, que é responsável pela geração de cerca de 2 mil empregos, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social dos cooperados e do estado.
Segundo estimativas da OCB, somente o cooperativismo agrícola em nosso país, gera mais de 160 mil empregos diretos.

Surgido na Inglaterra no final do Século 19 em plena Revolução Industrial, o cooperativismo é ainda hoje um dos principais mecanismos que o trabalhador e o empreendedor têm para o enfrentamento das dificuldades impostas pelo mercado.

Tanto para a aquisição de bens e serviços como para a colocação de produtos no mercado o cooperativismo é uma forma eficiente de organização, quando os bons princípios de gestão são aplicados.

Como fator econômico, o cooperativismo atua na redução dos custos de produção, na obtenção de melhores condições de prazo e preço, na instituição de instalações de uso comum, e na busca de alternativas comerciais de seus associados.
Sem os mecanismos que atuam no cooperativismo muitos pequenos e médios empreendimentos não obteriam êxito. Pequenos e médios produtores adquirem a escala necessária para reduzirem os custos de transação e poderem competir em condições menos adversas com grandes corporações.
Cada vez mais, consumidores se organizam em formas cooperativas para acessarem mercados e reduzirem custos.
O cooperativismo tem entre seus princípios, alguns dos mais nobres valores que devemos cultivar para vivermos uma sociedade justa, equilibrada e democrática, tais como a ajuda mútua, a responsabilidade solidária, a igualdade de oportunidades, e a equidade.

São enfim, valores especiais, que colocados em prática, nos tornam melhores como seres humanos e as comunidades mais fraternas, colaborativas. E, como sabemos, a cooperação é cada vez mais essencial no campo dos negócios e em outras dimensões da atividade humana.

Para finalizar, quero fazer minhas as palavras do presidente do Sistema OCB, Márcio Lopes de Freitas, para quem ser cooperativista é quase um estado de espírito, capaz de nos fazer enxergar o mundo de forma bastante particular. É buscar o justo, sem abrir mão da ambição.
É querer crescer, sem passar por cima de valores como a ética, a confiança e a honestidade. É encontrar um caminho para o êxito, sem abrir mão da felicidade.
Parabéns a todos os que constroem o cooperativismo em nosso país. Parabéns OCB.

Obrigado a todos.

Compartilhe este artigo

Artigos relacionados

Senador entrega retroescavadeiras para municípios alagoanos

Tive a alegria de entregar nesta segunda-feira (19), duas...

O inacreditável acontece

Quando ficou evidente que políticos (de todos os partidos...

O eixo do carro de boi

Ainda sobre a eleição. Aconteceu outro fato inusitado que...

O Quinto Mandamento

Insistem em pedir que eu escancare minhas convergências com...

Assine o Boletim Eletrônico

Assinando, você receberá em seu e-mail notícias e artigos atualizados do site.

A página eletrônica do Senador Renan Calheiros é um espaço para divulgar ideias, posicionamentos e opiniões do parlamentar alagoano. O endereço eletrônico www.renancalheiros.com.br é atualizado pela assessoria de imprensa e agrega artigos, discursos, notícias, projetos, além de dados biográficos da carreira política do senador.

Contato

Senador Renan Calheiros
E-mail: [email protected]
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Anexo I Ed. Principal 15º andar
BrasíliaDF - CEP 70.165-920
(61) 3303-2261 / (61) 3303-2263