O BRASIL RECUPERA SUA FORÇA

O Fundo Monetário Internacional acaba de anunciar outra excelente previsão para a economia brasileira. Segundo os técnicos do FMI, a riqueza interna crescerá 4,7% em 2010. A previsão anterior estava muito aquém do percentual anunciado agora.

 Em outubro do ano passado, o Fundo estimou um crescimento de 3,5% para o Brasil, mas depois da vigorosa recuperação da economia, o índice precisou ser revisto para cima.

      Por esta projeção, o Brasil vai apresentar um crescimento superior à media da expansão mundial, que está calculada em 3,9%. Além de também crescer mais do que as economias avançadas, cuja expansão prevista é de 2,1%, o bom desempenho da economia nacional ainda vai impulsionar o crescimento de toda a América Latina. Isso significa novas oportunidades para os basileiros, melhores salários e mais empregos no Brasil. Indicador desse cenário é a expressiva redução do desemprego que já começa a ser sentida.

      Em dezembro ultimo, o desemprego registrou sua quarta queda mensal consecutiva, e recuou para 6,8% no final do ano, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Com a queda, a taxa retorna ao patamar de dezembro de 2008, quando foi a menor da série em oito anos da pesquisa. Nas regiões metropolitanas pesquisadas, o número de pessoas ocupadas foi estimado em 21,815 milhões e a quantidade de desocupados caiu 7,1% em relação a novembro.

      Por este e outros indicadores sócio-econômicos, o Brasil pode ser a quinta maior economia do planeta em 15 anos. A revelação está na pesquisa da consultoria PricewaterhouseCoopers divulgada em Londres na útlima semana. De acordo com o estudo, o Brasil ultrapassaria o Reino Unido e a França em 2013 e a Alemanha em 2025.

      O estudo revela ainda que, já em 2020, o Produto Interno Bruto das sete principais economias emergentes (China, Índia, Brasil, Rússia, México, Indonésia e Turquia) vai superar o dos países ricos do do G-7 (Estados Unidos, Canadá, Alemanha, França, Reino Unido, Itália e Japão).O levantamento considera as projeções para o PIB por paridade do poder de compra, que observa a valorização de cada moeda.

      Há, inquestionavelmente, uma aposta mundial em torno do Brasil e de suas potencialidades econômicas. Por isso o PMDB vem ajudando a construir este programa que agora exibe seus resultados. Por coerência e compromisso com o País o PMDB seguirá apoiando este projeto que significou crescimento, mais e melhores empregos, distribuição de renda e redução da pobreza. Aqueles que, como nós, sempre apostaram no Brasil não têm motivos para mudar.

Compartilhe este artigo

Artigos relacionados

Senador entrega retroescavadeiras para municípios alagoanos

Tive a alegria de entregar nesta segunda-feira (19), duas...

O inacreditável acontece

Quando ficou evidente que políticos (de todos os partidos...

O eixo do carro de boi

Ainda sobre a eleição. Aconteceu outro fato inusitado que...

O Quinto Mandamento

Insistem em pedir que eu escancare minhas convergências com...

Assine o Boletim Eletrônico

Assinando, você receberá em seu e-mail notícias e artigos atualizados do site.

A página eletrônica do Senador Renan Calheiros é um espaço para divulgar ideias, posicionamentos e opiniões do parlamentar alagoano. O endereço eletrônico www.renancalheiros.com.br é atualizado pela assessoria de imprensa e agrega artigos, discursos, notícias, projetos, além de dados biográficos da carreira política do senador.

Contato

Senador Renan Calheiros
E-mail: [email protected]
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Anexo I Ed. Principal 15º andar
BrasíliaDF - CEP 70.165-920
(61) 3303-2261 / (61) 3303-2263